Rosângela Reis consegue apoio de Rodrigo Pacheco por recursos para comunidades terapêuticas

O presidente do Senado, senador Rodrigo Pacheco, firmou o compromisso de lutar por recursos do Governo Federal para as comunidades terapêuticas de Minas Gerais. A iniciativa foi feita após pedido da deputada estadual Rosângela Reis em parceria com a Federação Mineira das Comunidades Terapêuticas de Minas Gerais (FCTMG), que estavam preocupadas com o valor previsto dentro do Orçamento da União para os anos 2021 e 2022.

O pedido da deputada estadual foi para aumentar o valor de recursos para a Secretaria Nacional de Cuidados e Prevenção às Drogas (SENAPRED), pertencente ao Ministério da Cidadania. Conforme as entidades, o valor até então previsto não será suficiente para atender a demanda e custeio das atividades de prevenção, acolhimento e reinserção dos dependentes químicos e suas famílias, trabalho este desenvolvido pelas comunidades e outras instituições do terceiro setor.

O orçamento considerado necessário seria da ordem de R$ 330 milhões para as entidades em todo o país.

Em resposta ao pedido, o senador Rodrigo Pacheco, em ofício, afirmou que estará atento ao assunto, mas ressaltou o desafio que ainda precisam ser superados, como os vetos, contingenciamentos e outras medidas necessárias para o enfrentamento da pandemia.

A deputada Rosângela Reis reforçou a parceria com o senador Rodrigo Pacheco para tratar do assunto de esfera federal. A parlamentar ressaltou que as comunidades terapêuticas precisam de recursos públicos e doações para continuar o trabalho desenvolvido, que ajudam tantas famílias vítimas das drogas por todo o Brasil.

“O presidente do Senado tem sido um aliado do nosso mandato e de Minas Gerais, defendendo os interesses do Brasil e do nosso estado dentro do Senado. Vamos lutar para que os recursos sejam garantidos para ajudar as comunidades terapêuticas de Minas. Também estou indicando emendas parlamentares de minha autoria para ajudar várias dessas entidades no Vale do Aço”

Rosângela Reis – deputada estadual

As comunidades terapêuticas são uma modalidade de intervenção clínica voltada para dependentes químicos. O objetivo é fazer com que a pessoa interrompa completamente o consumo de álcool e outras drogas.

Veja a luta de Rosângela Reis pelas comunidades terapêuticas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *