fbpx
Início / Destaque / Vale do Aço recebe ambulâncias e veículos para a saúde
Vale do Aço recebe ambulâncias e veículos para a saúde

Vale do Aço recebe ambulâncias e veículos para a saúde

O Vale do Aço foi contemplado com parte dos 239 veículos destinados para a área da Saúde, entregues na última segunda-feira (7), pelo governador Fernando Pimentel, na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte. Deste total, são 25 ambulâncias e 214 veículos para transporte de pacientes e serviços gerais. Foram beneficiados 179 municípios de 13 territórios de desenvolvimento do estado, além de cinco entidades.

No Vale do Aço, Ipatinga foi a única contemplada com duas novas ambulâncias, ajudando a substituir a frota atual do município, que se encontrava sucateada. A deputada estadual Rosângela Reis parabenizou o prefeito de Ipatinga, Sebastião Quintão, pela conquista. “O empenho do atual governo para mais essa conquista resulta na renovação da frota encontrada sucateada, para a partir de agora garantir unidades que tornarão o atendimento mais ágil e humanizado a população”, disse. Na região ainda foram entregues veículos para as cidades de Bugre, Dionísio, Mesquita e São Domingo do Prata. Durante o evento, Fernando Pimentel destacou que os veículos são extremamente importantes para a melhoria do atendimento à população, principalmente em municípios menores e que não dispõem de hospitais ou centros de saúde mais complexos.

“Nós estamos entregando equipamentos extremamente importantes para a gestão pública dos municípios, e só quem não concorda com isso é quem não conhece Minas Gerais. Minas tem 853 municípios – e quase 400, ou seja, quase a metade, tem menos de 10 mil habitantes. Mais de 200 cidades têm menos de 5 mil habitantes. São cidades muito pequenas, onde não é possível manter um equipamento de saúde completo, como um hospital ou uma clínica especializada”, disse. “Esses municípios precisam ter um veículo de transporte adequado, que leve os pacientes para um centro maior – onde, aí sim, você pode fazer um atendimento especializado, uma cirurgia, enfim, aquilo tudo que o cuidado da saúde requer”, completou.

O investimento total para a aquisição dos veículos foi de R$ 16,7 milhões. Deste total, R$ 13,7 milhões referem-se a emendas parlamentares, e foram usados na aquisição dos 214 veículos para atenção básica. O investimento com as 25 ambulâncias chegou a R$ 3 milhões.

Ir para o topo