fbpx
Início / Notícias / Hospital de Campanha de Ipatinga será instalado após pedido de deputada
Hospital de Campanha de Ipatinga será instalado após pedido de deputada

Hospital de Campanha de Ipatinga será instalado após pedido de deputada

O Hospital de Campanha de Ipatinga será instalado para reforçar o combate as vítimas do coronavírus (Covid-19). A decisão foi anunciada na última sexta-feira (03). O pedido pela instalação da unidade foi feito pela deputada estadual Rosângela Reis (Podemos) na última quarta-feira (01), em ofício direcionado ao Governo do Estado e à mesa diretora da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG).

O local escolhido para a instalação do hospital de campanha de Ipatinga foi a Escola Estadual Canuta Rosa, no bairro Cidade Nobre. A unidade passará a funcionar a partir do dia 20 de abril como Centro de Internação e Tratamento de Pacientes por Coronavírus, oferecendo estrutura emergencial para atender as populações de Ipatinga e mais 13 cidades do Vale do Aço que integram a microrregião de saúde.

Segundo Rosângela Reis, o pico do contágio do coronavírus ainda está por vir.

É o que alerta os especialistas e o próprio Ministério da Saúde. Dessa forma, fiz um pedido, como forma de reforço, pedindo um hospital de campanha para Ipatinga. O pedido chegou ao Estado que vai nos atender”.

Rosângela Reis – deputada estadual

O local também já foi vistoriado pela Superintendência Regional Saúde do Vale do Aço, ligada à Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG).

A previsão é de que o hospital estará estruturado e equipado na primeira quinzena de abril e terá capacidade inicial para atender 200 pacientes. O Estado, via Gerência Regional de Saúde (GRS) avalia a possibilidade de oferecer 120 respiradores artificiais.

Estrutura do Hospital de Campanha

A Escola Canuta Rosa, antigo colégio Polivalente, dispõe de 20 salas amplas e bem ventiladas que têm a capacidade de abrigar dez leitos em cada uma delas. Inicialmente, o local será preparado para oferecer 200 novos leitos de baixa complexidade. Porém, o espaço tem capacidade para que esse número seja expandido a até 300. Emergencialmente, outros 100 leitos podem ser oferecidos na quadra coberta.

Localizado na rua Graciliano Ramos, com uma saída também para a avenida Carlos Chagas, a escola foi aprovada como espaço adequado, pela comissão técnica, devido à boa estrutura de banheiros, salas e refeitórios e, principalmente, em função de sua proximidade com o Hospital Municipal e também a base do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

Um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios *

*

Ir para o topo