fbpx
Início / Notícias / BR 381 tem trecho de 15 km de nova pavimentação liberado
BR 381 tem trecho de 15 km de nova pavimentação liberado

BR 381 tem trecho de 15 km de nova pavimentação liberado

A BR 381, também conhecida como “rodovia da morte”, teve a liberação de 15 quilômetros de pavimentação nesta sexta-feira (19), no trecho do lote 3.1, em Antônio Dias. A cerimônia foi realizada pelo ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, junto com a deputada estadual Rosângela Reis, além de uma comitiva formada por deputados federais e lideranças estaduais e regionais.

A entrega do trecho, localizado na altura do município de Antônio Dias (MG), além de dar funcionalidade a dois túneis (Antônio Dias e Prainha), também irá beneficiar as cidades de Belo Horizonte, Governador Valadares, Ipatinga, Coronel Fabriciano, Timóteo e João Monlevade.

A duplicação da BR-381, entre Belo Horizonte e Governador Valadares, é uma das maiores necessidades do Leste de Minas. A obra foi dividida em onze lotes, divididos entre os 303 km, e já deveria estar pronta. Problemas nas licitações e com as empresas vencedoras dos lotes impediram a continuidade das obras.

Situação da duplicação da BR-381

Dos onze lotes, só dois foram concluídos, sendo os túneis (3.2 e 3.3). Outros dois trechos estão em andamento, sendo o 3.1 Jaguaraçu – Ribeirão Prainha, com 28,6 km e está 60% finalizado, além do lote 7 Rio Una – Caeté, com 37,5 km e possui execução total de 75%. O investimento total previsto pelo DNIT é de R$ 6 bilhões. Devido ao contingenciamento de recursos, a Autarquia priorizou dois lotes (3 e 7), com conclusão prevista para 2020.

Apesar do atraso da obra, a liberação do trecho é uma conquista, uma vez que a crise financeira e redução de repasses para a obra pelo Governo Federal colocou em risco a continuidade da obra.

Durante a solenidade nessa sexta-feira, a deputada Rosângela Reis frisou sobre a necessidade de conclusão da obra.

“É claro que queremos a duplicação inteira e não podemos ficar satisfeitos com apenas 15 km dentro de mais de 300 km. A concretização dessa obra é muito importante para alavancar a economia da nossa região e principalmente salvar vidas.”

Deputada Rosângela Reis

Segundo o ministro Tarcísio Freitas, a BR-381/MG é uma das rodovias com maior índice de acidentes do Brasil. “A nossa ideia é de que no fim do ano estejamos com esses 15 quilômetros liberados e mais três nesse primeiro lote, somando 18 quilômetros do lote 3.1 da obra. E lá no lote 7 (Caeté) a gente deve liberar 25 quilômetros de pista duplicada até o fim do ano. Viemos para cá conversando com os deputados da bancada federal de Minas Gerais, justamente para trabalhar a questão do recurso, para que possamos concluir o lote 3.1 e o lote 7 até 2020”, detalhou.

Muitas autoridades participaram do evento, dentre eles o vice-prefeito de Ipatinga Celio Aleixo, os deputados federais Hercílio Coelho Diniz, Mauro Lopes e Eneias Reis, o secretário de Estado de Obras e Infraestrutura de Minas Gerais, Marcos Aurélio Barcelos, além d o diretor-geral do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), General Santos Filho.

Concessão da BR 381

O trecho em obras vai integrar a concessão da BR-381/262/MG/ES, cuja Audiência Pública nº 10/2019 foi aberta pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), na última quarta-feira (17). O período para envio de contribuições vai até às 18 horas do dia 2 de setembro.

De acordo com as minutas de edital e contrato, a concessão consiste na exploração da infraestrutura e da prestação do serviço público de recuperação, conservação, manutenção, operação, implantação de melhorias e ampliação de capacidade das rodovias por 30 anos. Estão previstos R$ 9,1 bilhões em investimentos e R$ 5,6 bilhões em custos operacionais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios *

*

Ir para o topo